fbpx

Kuura, a nova marca de fibra têxtil da empresa Metsä Spring será apresentada ao público durante a Semana da Moda do Japão.

Feita a partir da pasta da fábrica de bioprodutos Äänekoski, a fibra Kuura é lançada em cooperação com a casa japonesa ITOCHU Corporation e a marca de roupa THE RERACS.

A fibra têxtil é produzida em Äänekoski, Finlândia, na fábrica da Metsä Spring e da ITOCHU. O projeto conjunto visa demonstrar a viabilidade de um novo processo de produção e de fibras têxteis, do ponto de vista técnico e económico. Este avançado método de dissolução direta viu o seu início numa colaboração com universidades e instituições de investigação há mais de uma década. A fase de demonstração começou no final de 2020 e estima-se que dure aproximadamente dois anos.

Kuura

"Estamos a testar uma nova forma de produzir fibras têxteis a partir de pasta húmida, baseada em produtos químicos mais seguros e amigos do ambiente. O nosso projeto chegou agora a um ponto em que podemos mudar o nosso foco na investigação do potencial de mercado da fibra e na sua adequação em diferentes aplicações. O nosso parceiro ITOCHU, que já opera na indústria têxtil há mais de 100 anos, desempenha um papel fundamental neste caso", diz Niklas von Weymarn, CEO da Metsä Spring.

Todos os anos são produzidas em todo o mundo mais de 100 milhões de toneladas de fibras têxteis, e existe uma procura global por fibras têxteis produzidas de forma sustentável. São necessárias alternativas às matérias têxteis à base de óleo e às fibras de algodão para não sobrecarregar o ambiente.

Kuura é fabricado ao lado de uma fábrica de bioprodutos. O local garante a disponibilidade da matéria-prima e energia que substitui as fontes fósseis. Permite ainda uma melhor utilização da água e de outros recursos.