fbpx

A RICOH revelou mais pormenores acerca da máquina de produção no formato B2, a RICOH Pro Z75. A fabricante promete todas as vantagens da produção digital em toner com os custos e a produtividade do jato de tinta.

Outras garantias são a consistência da qualidade quer em substratos não revestidos ou revestidos, para inkjet ou offset, com suporte para formatos que vão do A3 ao B2/B2+, e a gramagens que variam entre as 60 e as 400 g/m2.

Ricoh Akatsuki

Com uma qualidade de impressão de 1200 x 1200 dpi, a máquina terá uma produtividade máxima de 4500 folhas / hora a 4/0 e duplex automático de 2250 folhas / hora a 4/4, estando otimizada para a produção de dados variáveis e tiragens curtas.

A máquina vai contar com um front-end digital escalável desenvolvido em conjunto com a EFI, que se liga a diferentes fluxos de trabalho. Além disso, as novas tintas aquosas conseguem atingir um gamut de cor elevado e o novo sistema secador garante que o papel não encarquilha. A nova tecnologia de transporte de papel promete precisão nos diversos formatos, enquanto o registo frontal e reverso recorre a uma correção em tempo real para uma maior consistência.

A máquina posiciona-se num ciclo de serviço máximo de 2,6 milhões de folhas por mês no formato B2+ e está construída numa armação de aço e ferro fundido para uma maior estabilidade.