fbpx

Já está na fase de rescaldo o incêndio que destruiu parcialmente as instalações da Fábrica de Papel e Cartão da Zarrinha, em Santa Maria da Feira, cujo alerta foi dado na noite de 29 de junho, pelas 21h46. As operações devem continuar por vários dias, por forma a impedir o reacender do fogo.

A fábrica conta com aproximadamente 200 funcionários, cujos postos de trabalho deverão estar assegurados. De acordo com informações que ainda não conseguimos confirmar junto da administração – que se encontra em reunião para tomar as devidas providências - o fogo não terá atingido a parte produtiva, embora seja necessário interromper a atividade durante alguns dias.

Incendio Zarrinha

Estiveram envolvidos cerca de 150 operacionais e mais de 100 viaturas de socorro no combate ao fogo, tendo sido evacuadas as habitações nos arredores. Nas proximidades há um depósito de combustível e ainda uma fábrica de cortiça.

A fábrica faz parte do grupo Zarrinha, ao qual pertencem a Sociedade Transformadora de Papeis Vouga Lda., em São Paio de Oleiros, e a empresa Oliveira Santos & Irmão Lda., em Paços de Brandão.