fbpx

Pasta de papel na CeltejoA Celtejo, empresa do grupo Altri, está a aproveitar as raízes do eucalipto para produzir a pasta de papel. A revelação foi feita pelo diretor da unidade, sediada em Vila Velha de Ródão, à agência Lusa.
O projecto é pioneiro em Portugal e foi desenvolvido internamente na Celtejo, com o objetivo de maximizar o aproveitamento dos recursos naturais na produção de pasta e papel.

Registe-se para ler o artigo completo...

Fábrica de SetúbalNos primeiros nove meses do ano, a Portucel Soporcel bateu recordes de produção e venda de papel, atingindo as 1147 milhões de toneladas de papel, num aumento de 3,3%. O grupo revelou que isso permitiu atenuar o efeito negativo da evolução dos preços da pasta e papel havendo um ligeiro aumento do volume de negócios para € 1.138 milhões. No quadro do seu programa de expansão comercial, o grupo Portucel Soporcel alargou a sua atividade de 118 para 127 países no final do terceiro trimestre, tornando-se assim a empresa portuguesa com a mais ampla presença a nível internacional.

O grupo anunciou ainda ter aprofundado as negociações com o IFC – International Finance Corporation, no sentido desta instituição do Banco Mundial para o setor privado da economia vir a assumir uma participação de 20% no capital da Portucel Moçambique, sublinhando assim o seu empenho num projecto integrado de produção florestal, de pasta de celulose e de energia que continua a progredir, encontrando-se numa fase de intensificação das operações florestais e de reforço da base operacional naquele país.      

Registe-se para ler o artigo completo...

MetapaperA Metapaper vai passar a suportar todas as vendas para a Europa da Mohawk. Com base em Estugarda, na Alemanha, a Metapaper vai passar a dar suporte às vendas e ao marketing da norte-americana Mohawk, no velho continente.

A Metapaper é uma plataforma online para as indústrias de papel e impressão na Europa. O fundador da plataforma, Axel Scheufelen, vai ser o contacto para as operações da Mohawk.

Registe-se para ler o artigo completo...

Cerveja com rótulo metalizadoÉ na feira  BrauBeviale que a Lecta vai apresentar os mais recentes desenvolvimentos e tendências em matérias-primas, maquinaria e tecnologia, logística e marketing da cerveja, água e outras bebidas. O grupo vai mostrar a vasta gama de papéis especiais para a produção de etiquetas para bebidas, distribuídos em Portugal pela Torraspapel.

Ler mais...

Ricoh Pro-OfficePro-Office é a nova aposta da Ricoh. A gama de papéis foi concebida para a impressão frequente e foi otimizada para garantir os melhores resultados nas impressoras e toners Ricoh. O papel é certificado pelas normas de sustentabilidade FSC e qualidade ISO e a marca promete que tem uma “melhor relação preço / qualidade / serviço”.

Jorge Silva, Diretor de Marketing da Ricoh Portugal afirma: “O lançamento da gama de papéis com a nossa marca, visa dar resposta aos requisitos de qualidade e valores da Ricoh. A nova gama de papel foi especialmente concebida para garantir os melhores resultados e fiabilidade de utilização. Por isso a nossa mensagem chave: Os nossos papéis. As nossas impressoras. Os melhores resultados estão garantidos!”

Ler mais...

InflaçãoO grupo Lecta, um dos maiores produtires de papel revestido de pasta química da Europa, vai aumentar os preços do papel CWF em cerca de 8% já a partir de Setembro.

O aumento de preço é essencial para garantir níveis de lucro aceitáveis após vários meses de contínua erosão” pode ler-se no comunicado. O aumento de preços vai ser aplicado às encomendas de folhas e de bobines no mercado europeu, com efeito imediato. Os agentes comerciais vão entrar em contacto com os clientes para providenciar informações específicas consoante o país.

Holmen Paper MadridA Holmen Paper pretende surpreender o Mercado com o lançamento de um novo produto. Ainda sem desvendar grandes pormenores acerca do mesmo, a papeleira fez saber que é um novo papel no segmento SC e que será desenvolvido com a ajuda de parceiros escolhidos nos próximos tempos.

“Estamos a desenvolver o produto no departamento de pesquisa e desenvolvimento e a manter uma parceria estreita com os clientes, a este respeito. Isto já nos trouxe benefícios mútuos no passado e agora estamos a proceder da mesma forma” refere Karolina Svensson, directora de marketing e vendas. Svensson acrescenta: “Os factores que nos levaram ao sucesso no segmento de papel não estocado para revistas vão manter-se na nova iniciativa. O produto vai ter 100% de fibra virgem, o que lhe dá propriedades especiais e permite potenciais poupanças aos clientes”.

E é aqui que terminam as semelhanças com a tradição no desenvolvimento do produto, diz Tommy Wiksand, que dirige o desenvolvimento de produtos e negócios na Holmen Paper: “O nosso novo produto é posicionado para um segmento de mercado estabelecido mas permite que o cliente escolha uma gramagem mais baixa enquanto retém a espessura do papel. Isto poupa dinheiro ao cliente, tanto na compra como na distribuição”.

Vão ser vários os parceiros a colaborar com a Holmen Paper, estando o lançamento do produto previsto para a Primavera de 2015.

Navigator Home PackA marca Navigator lançou um produto para o mercado doméstico, o Navigator Home Pack. Ao invés de 500 folhas, cada embalagem passa a incluir 250 folhas, tornando o pack mais leve para o transporte.

“O Navigator Home Pack surge como uma resposta à evolução das tendências de consumo, nomeadamente o facto de ser cada vez mais acessível a compra de equipamentos de impressão a cores, incluindo para ambiente doméstico. Esse facto torna a qualidade do papel usado cada vez mais importante, pois os consumidores actuais pretendem a melhor qualidade, mesmo para os seus documentos pessoais", refere Ricardo Ferreira, Brand Manager da Navigator.

Ler mais...