fbpx
DP - PACKAGING
Login
Atualizado a 21 Nov, 2019

Adobe Textile Designer chega à versão Beta 7

Adobe Textile Designer

O plugin para Photoshop dedicado a quem trabalha nas áreas têxtil, o Adobe Textile Designer, já chegou à versão Beta 7. Depois de ter sido apresentado na FESPA e na ITMA, o desenvolvimento continua e promete ser uma ferramenta importante para designers e impressores.

"O Adobe Textile Designer foi concebido para ajudar os designers a criar impressões para moda e tecidos para mobiliário", comentou Mike Scrutton, diretor de tecnologia de impressão e estratégia da unidade de negócios da Adobe & Publishing. "Os designers podem ser criativos hoje sem se preocupar como vão imprimir amanhã. O Adobe Textile designer é flexível para permitir a gravura e a serigrafia, bem como as mais recentes técnicas digitais."

Concebido a partir de uma resposta entusiástica de uma ampla gama de designers têxteis, quer de grandes marcas quer de profissionais independentes, a Adobe desenvolveu uma versão beta com a colaboração da Datacolor, na gestão de cores, e a Color Solutions International (CSI), fornecedora de padrões de cores e ferramentas de comunicação de cores.

Textile Designer Screenshot

A integração oferece poupança de tempo e custos no processo de design têxtil, eliminando a necessidade de procurar manualmente e combinar amostras de cor têxtil com amostras ou códigos de cores. Os designers agora podem usar o Datacolor ColorReaderPRO para medir qualquer fonte de inspiração de cor e traduzir os dados de cores diretamente para o Photoshop.

Os designers podem criar e visualizar padrões repetidos, definir separações e trabalhar com colorways — tudo dentro do Photoshop — mantendo todos os elementos editáveis e reversíveis até que o design esteja pronto para impressão.

Como a maioria das aplicações da Adobe Creative Cloud , o Adobe Textile designer oferece suporte a elementos não destrutivos, com camadas independentes, ajustes, filtros e uso de vetores do Illustrator.

Depois de estar pronto para imprimir, os designers podem salvar o trabalho em vários formatos e podem incluir metadados XMP, nas artes finais, que serão usados no processo de produção de tecido.