fbpx
DP - PACKAGING
Login

Tecnologia e gestão: quais as tendências para os próximos anos?

Tendências para 2020

A International Data Corporation (IDC) elaborou uma lista com as principais previsões relacionadas com tecnologia, liderança e valor, na Europa, para os próximos anos.

Quais as tecnologias emergentes, como elaborar um roadmap empresarial e como se redefine o valor dos ecossistemas empresariais são apenas alguns dos vetores mencionados.

A IDC explicou as decisões que devem ser tomadas para 2020 através da perspetiva do CEO. O objetivo é garantir que se deixa de lado o tradicional debate sobre TI/negócios/digital.

"Criamos 10 previsões que achamos que vão moldar o mercado em 2020 e além. Destacamos a empresa do futuro e como precisamos redefinir valor, liderança e tecnologia, à medida que avançamos em direção ao futuro. Esperamos que essas previsões ajudem as empresas europeias a planear as suas estratégias para 2020", disse Phil Carter, analista da IDC.

Um olhar mais atento às 10 principais previsões da IDC revelam o seguinte:

1. Destaque para as capacidades digitais: Até 2022, 25% das 500 maiores empresas europeias terão pelo menos dois membros do conselho com capacidades de excelência em negócios digitais.

2. Investimentos digitais: Em 2020, as organizações europeias vão gastar mais de US$ 271 biliões (€ 244 biliões) em transformação digital, mas apenas 16% oferecerão novos fluxos de receita.

3. Dados coletados de dispositivos conectados: Até 2022, os dados coletados de dispositivos conectados gerarão uma oportunidade de receita de US$ 10,5 biliões (€9,5 biliões) para as 500 principais organizações europeias.

4. Jornada de modernização do núcleo: Até 2025, 60% das organizações europeias vão modernizar a TI alavancando a nuvem, resultando numa melhoria de produtividade de 25%.  

5. Novo papel de liderança tecnológica: Até 2022, 30% das organizações europeias vão definir um novo papel de liderança tecnológica que combina funções de CIO, CTO, CDO e inovação.

6. Processos para se tornar mais inteligente: Até 2023, 70% das iniciativas europeias de automação de processos inteligentes (IPA) serão infundidas pela IA.

7. As organizações europeias substituirão os KPIs por KBIs: Até 2022, 60% das 2000 principais organizações europeias substituirão os KPIs (Key Performance Indicator) por KBIs (Key Behaviour Information) para acelerar a defesa dos funcionários e clientes.

8. Acelerar a mudança cultural: Até 2022, um terço das organizações não conseguirá acelerar a agilidade e a inovação dos negócios devido a uma cultura imitadora.

9. O papel do CISO: 2022 é o ponto de corte para os CISOs (Chief Information Security Information) se estabelecerem como líderes empresariais que podem fornecer confiança digital.

10. O uso ético das tecnologias digitais: Até 2024, 50% das empresas públicas europeias informarão anualmente sobre o uso ético de dados, automação e IA nas suas organizações.