fbpx

kodak1Apesar das informações veiculadas a nível internacional, a Auto-Gráfica, representante da Kodak em Portugal, esclareceu que a fabricante não entrou em falência. «A Kodak e as suas subsidiárias nos Estados Unidos solicitaram voluntariamente a “protecção” do Capitulo 11 para reestruturação do negócio, mantendo o seu normal funcionamento, bem como, o integral cumprimento das suas obrigações para com clientes, empregados, fornecedores e parceiros» comunica a Auto-Gráfica. A empresa portuguesa esclarece ainda que tal não se aplica às subsidiárias fora dos Estados Unidos.
A reorganização de negócios pode permitir um reforço da liquidez nos EUA e no exterior, rentabilizar propriedade intelectual e resolver passivos herdados.
O Capítulo 11 é um mecanismo legal que se concentra na preservação e reorganização das empresas que operam em curso. O processo permitirá Kodak para continuar as operações normais de negócios enquanto realiza os objetivos de emergir como uma empresa rentável e sustentável.