Login

Pixartprinting com novo material para etiquetas

Ler mais...A Pixartprinting está a ampliar a oferta no que toca o mundo da etiquetagem. Novos materiais, formatos personalizados, impressão a branco e prateado, e muito mais, da selecção do gap à saída da etiqueta, até a altura da bobina.

Entre os clientes de etiquetagem da Pixartprinting, muitos são, de facto, pequenas e médias empresas com o seu próprio departamento de produção que operam em variados sectores como o de alimentação e bebidas. “Então é fundamental que os nossos clientes tenham a possibilidade de encomendar etiquetas compatíveis com a tecnologia que têm disponível, de modo a que estes possam ser utilizados na linha de montagem. As últimas novidades da Pixartprinting foram estudadas para se adaptarem às exigências da alta customização a que os nossos clientes estão habituados, mantendo as características que trouxeram o sucesso da etiquetagem à Pixartprinting como: uma qualidade excelente, a impressão a seis cores (CMYK + laranja e verde), a possibilidade de escolher entre tipos de materiais diferentes e curtos prazos de entrega” avança a empresa em comunicado.

“Em 2012 criámos um departamento especificamente para a impressão de etiquetas, mesmo que para pequenas quantidades ou edições limitadas. Desde então temos encontrado um interesse cada vez maior ao ponto que actualmente o mercado da etiquetagem é para nós um dos mais importantes, com um volume de vendas de 4 milhões de euros em 2013”.Alessandro Tenderini, Director Geral da Pixartprinting

A empresa conta com dois sistemas de impressão em bobina Epson SurePress L-4033A a jacto de tinta, dos quais um vem equipado com tinta branca; e o sistema Sei Laser para o corte automático. “A impressora Epson a jacto de tinta é uma solução de última geração, capaz de produzir 5m/min para facilitar tanto a prototipagem como a produção de pequenas quantidades de etiquetas altamente personalizadas, reduzindo significativamente os custos e os prazos de entrega” – afirma Alessandro Tenderini – “O resultado é a produção de etiquetas de alta qualidade mesmo que em pequena tiragem, numa ampla gama de suportes protegidos contra riscos e a preços muito competitivos”.

Como pontos fortes, a empresa aponta o formato em bobina (de 33cm; 16,5cm; 11cm e 5,5cm) e a variedade de materiais que actualmente vão desde o papel autocolante revestido/brilhante, sem revestimento/brilho e natural, ao adesivo acrílico como o polipropileno deluxe, prateado e transparente, este último também disponível com impressão a branco. Também é possível imprimir adesivos espelhados, ideal para etiquetas que se devem ler do lado da cola como no caso das vitrinas das lojas.

Concurso escolar para fazer esculturas com embalagens

Ler mais...Dar largas à imaginação utilizando materiais reutilizáveis é o objetivo do concurso escolar “Ovos Amarelos”, promovido pela VALNOR, em colaboração com a Tetra Pak e a Associação dos Fabricantes de Embalagens de Cartão para Alimentos Líquidos (AFCAL).

O concurso visa a elaboração de uma escultura através da reutilização de embalagens usadas e alusivas ao tema da Páscoa. Com esta iniciativa, as entidades promotoras pretendem incentivar as crianças para uma conduta ambientalmente responsável, mas também estimulando-as a serem agentes ativos na preservação e implementação de boas ações ambientais.

O concurso escolar é destinado às crianças que frequentam o Jardim de Infância / Pré-Escola (entre os 3 e 6 anos), de estabelecimentos de ensino públicos e privados. Os trabalhos deverão ser entregues até ao dia 28 de Março de 2014, sendo avaliados por um júri constituído por elementos da VALNOR, da Tetra Pak e da AFCAL. O vencedor será anunciado até ao dia 4 de Abril.

O prémio “Escola mais Amiga do Ambiente”, no valor de 500€, será entregue à escola que mais se distinguir pela diversidade de materiais utilizados, criatividade e originalidade.

«A VALNOR sabe que um projeto ambiental de qualidade que origine bons resultados deve ser iniciado, antes de mais, com o compromisso e a participação de toda a comunidade escolar. Assim, procuramos desenvolver um trabalho sério em estreita colaboração com as diversas escolas da nossa área de incidência, indo ao encontro das suas necessidades formativas e, entre outras iniciativas, promovendo concursos escolares»Sandra Pedrogam, responsável pelo Departamento de Sensibilização e Imagem

.

Novo sistema para embalagens Bag-in-Box

Ler mais...Os dias de irritação com as gotas que caem das embalagens bag-in-box estão a acabar, dizem os inventores do DRINKinBOX. O novo sistema é adequado para todos os tipos de líquidos com base no princípio Bag-in-Box.
A tecnologia básica e barata: é utilizada uma plataforma de papelão que ajuda a levantar o saco , fazendo com que seja mais fácil encher um recipiente através da torneira da caixa. Isso também ajuda a esvaziar o conteúdo na sua totalidade. O volume da embalagem pode variar desde 0,75 litros até 10 litros e estão disponíveis duas versões:
• Para volumes típicos, o CO2 DRINKinBOX ;
• Para volumes maiores, o PETinBOX, que usa uma garrafa PET numa caixa de papelão ondulado, com um sistema de entrega integrado.

O PETinBOX é particularmente atraente como um substituto eficaz e amigo do ambiente para o metal.

Ler mais...

Embalar morangos em cartão custa menos do que em plástico

Ler mais...Um novo estudo da Corrugated Packaging Alliance, dos Estados Unidos, compara os custos de logística para morangos embalados em cartão ou em embalagens de plástico. A associação divulgou que os custos diminuem 13% quando se opta pela primeira opção, para a mesma quantidade de morangos.

A diminuição de custos está relacionada com os custos logísticos envolvidos na necessidade de trazer os recipientes plásticos de volta aos centros de distribuição, aos custos de lavagem das embalagens e aos custos de os levar do agricultor ao centro de distribuição e vice-versa. Já os recipientes de cartão podem ser reciclados, o que elimina o segundo transporte no regresso das embalagens ao ponto de origem. Aliás, a CPA mostra que os comerciantes ajudaram a reciclar 91% das embalagens de cartão em 2012 e que ainda aumentam os rendimentos por colaborarem nesse processo.

Embalagens poderão enviar sms a alertar para data de expiração

Ler mais...Está a ser analisada uma nova forma de lutar contra o desperdício alimentar na Europa. Uma equipa de cientistas está a desenvolver um chip que envia mensagens de texto (SMS) quando um produto alimentar está próximo do prazo de expiração.

O chip deverá ser integrado nas embalagens alimentares para evitar o actual cenário em que se assume que tudo está bem e que todos os alimentos se encontram nas condições de refrigeração ou armazenamento ideais, mas ainda não foram revelados detalhes sobre o local do desenvolvimento da tecnologia e apenas se sabe que será nos Países Baixos.

Já no Reino Unido, uma etiqueta da Insignia Techonologies, por exemplo, indica quando é que os alimentos estão melhores para consumo. A invenção ganhou o prémios “Best New Concept” nos UK Packaging Awards.

Coca-Cola com nova lata

Ler mais...A Coca-Cola vai lançar uma embalagem especial para o dia de S.Valentim. A marca aliou-se à designer francesa de lingerie, Chantal Thomass, para criar uma embalagem especial para a data. A lata foi decorada em prateado e laços negros em forma de coração, apelando à sensualidade. A lata vai estar disponível apenas no mercado francês e está prevista ainda a criação de uma garrafa em alumínio que apenas vai estar disponível em Abril.

A parceria surge após o sucesso de outras com nomes da moda como Karl Lagerfeld, Jean Paul Gaultier, Marc Jacobs e Sonia Rykiel.

Stoelzle Glass Group adquire empresas em França

O Stoelzle Glass Group adquiriu uma fábrica de vidros e decoração em França, a Verreries de Masnières e a Bormioli Rocco Valorisation da Bormioli Rocco Group por um valor não revelado. A Stoelzle fornece vidro para perfumaria e cosméticos, bebidas espirituosas de prestígio, e o sector farmacêutico.

Ler mais...

 

Ambas as novas aquisições estão situadas no norte de França. O Stoelzle Glass Group incorpora cinco unidades de produção europeias na Áustria, França, Inglaterra, República Checa e Polónia, e emprega 2000 funcionários.

Europac vai construir nova fábrica em Marrocos

Ler mais...O Grupo Europac (Papeles y Cartones de Europa, S.A.) adquiriu, na cidade marroquina de Tânger, um terreno para a construção de uma nova fábrica integrada de cartão ondulado. A nova fábrica deverá estar em funcionamento no primeiro semestre de 2015.

A primeira fase deste projecto começou no primeiro trimestre de 2013, com a abertura de um centro dedicado à montagem de caixas heavy duty destinadas ao sector automóvel. Nesta etapa inicial do projecto também foram instaladas as linhas de converting para a transformação de prancha de cartão em caixas.

O terreno agora adquirido e onde será construída a nova fábrica integrada de cartão ondulado tem uma área de 30 000 metros quadrados e fica situado no parque Tanger Automotive City (TAC), uma nova área industrial de 300 hectares dedicada especialmente à promoção do sector automóvel e seus componentes.

A localização da fábrica, dentro do recinto do TAC, representa uma vantagem competitiva quer do ponto de vista comercial quer logístico. O TAC está estrategicamente situado entre as cidades de Tânger e Tetouan, a apenas 20 quilómetros da Tânger Free Zone e do Tânger Med Port, que será um dos portos comerciais de referência do Mediterrâneo quando estiverem concluídas as obras de ampliação que estão a decorrer até 2015.

As novas instalações vão ter uma onduladora para a fabricação de prancha de cartão a partir de bobinas de papel e uma secção de transformação de prancha em caixas de cartão com três linhas adicionais de converting. Após a conclusão do projecto, tanto do centro de montagem de caixas heavy duty como das duas linhas de converting, que actualmente já estão em funcionamento, serão transferidos para a nova fábrica.

No total, o investimento estimado para o projecto ascende a 30 milhões de euros, que serão investidos em diferentes etapas, incluindo uma terceira e última fase que vai implicar a instalação de duas novas linhas de converting até um total de sete na nova fábrica. Estima-se que o projecto permita a criação de um número significativo de postos de trabalho directos.

Português desenvolve nova embalagem para ovos

Ler mais...Gil Rodrigues é um estudante de design que desenvolveu uma nova embalagem para acomodar ovos. O estudante inspirou-se no origami para desenvolver um packaging mais amigo do ambiente.
As novas embalagens são feitas em cartolina ao invés de isopor e permitem que cada ovo seja embalado individualmente. A embalagem é totalmente dobrável, sem colas, e esse é o único ponto que pode dificultar a comercialização e adopção da nova embalagem, visto que pode colocar algumas questões relacionadas com o transporte.

Tetley lança novo packaging

Ler mais...O chá preto e o chá de cidreira da Tetley acabaram de estrear o novo packaging no mercado português.  A embalagem é “mais moderna e funcional, com sistema de abertura fácil, permite a excelente conservação do chá após aberto, para que todos os apreciadores de chá possam saborear Tetley sempre que desejarem. Ideal para bules, com saquetas redondas, o novo formato, mais económico, vai satisfazer os mais curiosos” divulga a empresa em comunicado. As embalagens são produzidas na Polónia.