Log in

Markzware lança Q2ID para CS6

QXP2IDA Markzware lançou uma nova versão para o plugin Q2ID que permite a conversão de ficheiros QuarkXPress para o InDesign CS6. O Q2ID elimina a necessidade de recriar o conteúdo de um arquivo de QuarkXPress no Adobe InDesign e a versão mais recente foi perfeitamente integrada com a versão do Adobe InDesign CS6.
"Queremos ir directo ao assunto e permitir que nossos clientes continuem a ter a conversão de arquivos de forma rápida e eficiente, de Quark para Adobe InDesign", disse Mary Gay Marchese, relações públicas para Markzware.
Bob Hoot, da Hoot Communications disse: "Conheço a Markzware há anos e anos e tive o FlightCheck e o PM2Q há alguns anos atrás e mantive-me a par dos novos produtos. Eu gosto de usar o seu produto de conversão, Q2ID, para materiais como anúncios. O Q2ID é indispensável para o designer fazer a mudança de Quark para InDesign. Não tenho conhecimento de qualquer outra coisa disponível que funcione tão bem. Tenho convertido publicações inteiras de 56 páginas ou mais com apenas problemas menores. O Q2ID tem sido um salva-vidas. "

Omdesign renova identidade do Banco Luso Brasileiro

banco lusobrasileiroA agência de publicidade Omdesign foi escolhida para renovar a identidade do Banco Luso Brasileiro, sediado em São Paulo, no Brasil. A nova identidade, que será adotada em todos os materiais institucionais e de comunicação, bem como em diversos suportes ao nível de front office, é uma evolução da identidade anterior, agora mais envolvente, atual, dinâmica e mais próxima de todos os clientes do Banco Luso Brasileiro. A agência manteve as cores verde e vermelho, agora mais vivas e apelativas, assim como a assinatura já utilizada pelo banco: “O banco que fala a sua língua”.

“PORTUGAL, O TEU OLHAR” em fotografia

portugal olhar_odisseiasO canal Odisseia lança o Concurso de Fotografia “Portugal, o teu olhar”, uma iniciativa que decorre a partir de hoje até dia 5 de agosto e desafia os espectadores portugueses a revelarem a sua visão sobre o que distingue e identifica o seu país.
Para concorrer, os participantes poderão enviar a sua fotografia através da aplicação Concurso – Portugal o teu olhar, na página de facebook do canal Odisseia, através do endereço de e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou do Instagram, etiquetando as fotos com o hashtag #portugaloteuolhar. O regulamento, bem como toda a dinâmica do concurso, podem ser consultados no site www.portugaloteuolhar.pt.
Segundo Roberto Blatt, director do canal, “o Odisseia procura fotos originais que sejam capazes de transmitir o olhar de cada um dos candidatos sobre o seu país ou cidade. Em linha da estratégia que temos vindo a seguir, em especial desde que o Odisseia se tornou no único canal de documentários 100% português, este concurso pretende aproximar-nos ainda mais da audiência portuguesa, através de um projecto em que o principal protagonista é Portugal. Esta é uma iniciativa muito interessante e enriquecedora, na medida em que dá a conhecer a visão dos portugueses sobre o seu próprio país”.
Durante sete semanas, diariamente, um júri composto por elementos do canal vai premiar a fotografia que considerar mais original com a oferta de uma câmara lomográfica, de edição especial Odisseia. No final, a fotografia vencedora, que será divulgada a 10 de agosto, ganhará um prémio no valor de 3 mil euros. O concurso será divulgado em antena, através de acções de street marketing e de uma campanha presente em imprensa, Facebook e Google AdWords.

Para comemorar este concurso em antena e a poucos dias do início dos Jogos Olímpicos de Londres, o Odisseia estreia o documentário “As Melhores Fotos Olímpicas”, composto por dois episódios, para ver a 17 de julho, às 23h00 e às 23h30.

Ao longo de uma hora, o Odisseia convida os apreciadores de fotografia a viajarem no tempo e a conhecerem algumas das imagens lendárias que as lentes das câmaras captaram ao longo da história das Olimpíadas. Analisaremos cada fotografia em pormenor, situando-a no seu contexto histórico e explicando a importância que teve no momento em que foi tirada.

Com o testemunho de atletas de escala mundial como Sergei Bunka ou Frankie Fredericks, o Odisseia apresenta uma fascinante visão da história dos Jogos Olímpicos, através das suas imagens mais emblemáticas, um percurso que relaciona alguns dos maiores sucessos da história do desporto com as lembranças pessoais dos seus protagonistas.

Estes documentários inserem-se no especial de programação “Jogos Olímpicos”, composto por mais de 40 horas de programação que convidam os espectadores a conhecer as infraestruturas, a extravagância, as histórias pessoais e o valor simbólico deste incontornável evento, com exibição a partir de dia 9 de julho, às 22h00.

EOS 650D chega ao mercado

canon eos650DA Canon acabou de lançar a sua mais recente máquina fotográfica, a Canon EOS 650D, equipada com um ecrã táctil, rotativo multi-ângulo, facilitando a utilização por qualquer utilizador que queira tirar fotos ou vídeos em HD. Direccionada para iniciantes da fotografia, esta câmara digital SLR (DSLR) engloba modos de disparo automáticos inteligentes com recursos avançados, além de uma completa gama de modos manuais que permite a exploração da máquina, conforme os utilizadores vão avançando nos seus conhecimentos de fotografia. Conta ainda com um sistema de auto foco duplo que permite um detalhe excepcional em focagem automática pontual ou contínuo, em gravação de vídeo. Vem apetrechada ainda com um sensor CMOS híbrido de 18 megapixel (MP) e um processador DIGIC 5, que permite a captação de imagens até 5 fps. O sensor CMOS híbrido possibilita uma alta resolução, que permite capturar imagens de tamanho poster, ricas em cores e detalhes. O seu intervalo ISO de 100 – 12,800, permite fotografar em baixa luminosidade, com aspecto natural e o mínimo ruido, podendo ser expansível até ISO 25600. O processador de 14-bit possibilita transição subtis de tonalidades de cor, como as de um céu nocturno, e a captura de movimentos rápidos, como acontece no futebol, por exemplo. O ecrã LCD táctil de ângulo variável Clear View II de 7,7 centímetros (3,0 ") vem com tecnologia capacitiva, bastante sensível aos gestos de toque e ao deslize do dedo, possibilitando o acesso rápido ao disparo, configurações e até ao acto de fotografar apenas com o ecrã. A articulação multi-ângulo facilita o inclinar e o rodar do ecrã e apresenta uma resolução de 1040 mil pontos garante a visualização de cada detalhe. No que toca à gravação de vídeo em full HD, a AF híbrido vem ajudar, sendo que as objectivas EF-S 18-135mm f/3.5-5.6 IS STM e EF 40mm f/2.8 STM revelam ser aos mais indicadas para gravar vídeos, graças ao seu motor de passo silencioso. Os vídeos podem ser gravados em dois, quatro ou oito segmentos de segunde combinados ou reordenados na câmara, antes da reprodução, possuindo ainda uma porta mini-HDMI integrada possibilidade a ligação com televisores HD. A Canon EOS 650D vem incorporada ainda com o HGR Backlight Control e o modo Handhled Night Scene. O primeiro modo analisa os ambientes de contraluz, captando três exposições – sob exposição, exposição correcta e a sobre-exposição, combinando-as numa imagem HDR em que os detalhes nas zonas de sombra e iluminadas ficam ao pormenor. Já o segundo Handheld Night Scene permite a captura de fotos com pouca luz, sem recurso a tripé, realizando rapidamente quatro imagens diferentes, antes de as combinar numa única imagem nítida e detalhada. A câmara é ainda compatível com uma variedade de lentes EF e acessórios, desde a grande angular e macro como até à telefoto extrema.

Abertas candidaturas do prémio Terre de Femmes

terredefemmesA partir de 8 de Junho é possível, a todas as mulheres portuguesas maiores de 18 anos com um projeto na área do ambiente e sustentabilidade, candidatarem-se à quarta edição do Prémio Terre de Femmes 2012/2013. As candidaturas, que estão a decorrer até ao próximo dia 30 de Setembro de 2012, permitirão concorrer a um prémio máximo no valor de 5 000€, mas também a um segundo prémio no valor de 3 000€, e a um terceiro de 2 500€.
O Prémio Terre de Femmes é constituído por um Prémio Nacional Terre de Femmes e por um Grande Prémio Internacional Terre de Femmes, no montante de 10 000€. Proposto e desenvolvido pela Fundação Yves Rocher – Instituto de França, o Prémio Terre de Femmes homenageia as mulheres eco-cidadãs, militantes do quotidiano e muitas vezes anónimas que agem a favor do ambiente. 
Na última edição, a Fundação Yves Rocher premiou três mulheres portuguesas com projetos distintos na área da sustentabilidade e educação ambiental: 1º prémio - Elda Sousa e o seu Projeto “Viveiro de Plantas Indígenas da Ilha da Madeira”; 2º prémio - Alexandra Cunha e o seu Projeto “ADOPTE – Adopte-uma-Pradaria-Marinha” e 3º prémio - Ana Sofia André e o seu Projeto “Viveiro de plantas autóctones”.
O período de receção de candidaturas para a edição de 2012/2013 decorre até ao dia 30 de Setembro 2012, devendo a ficha de participação e o dossier de candidatura ser remetidos para Yves Rocher Portugal – Zona Industrial da Maia I, Sector II, Rua do Castanhal, n.º 256, Gemunde, 4475-122 Maia, ou através do E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..">Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.. Também poderá descarregar a ficha de inscrição e consultar o Regulamento do Prémio Terre de Femmes e os critérios de seleção, em www.yvesrocher.pt. O Prémio Terre de Femmes é um prémio Internacional e nesta edição será levado a cabo por 7 países: França, Alemanha, Suíça, Rússia, Marrocos, Portugal e Ucrânia. Atualmente já foram recompensadas mais de 300 mulheres, em mais de 15 países, pelas suas ações de proteção e de valorização do mundo vegetal.

Lexmark com nova Solução de Captura Distribuída Inteligente

lexamrk documentosA Lexmark acaba de lançar uma solução de captura distribuída inteligente , que integra a oferta Lexmark Document Distributor+ com a Brainware Software permitindo aos utilizadores conectar os documentos e processos de negócio. Esta é a primeira solução conjunta entre a Lexmark e a Brainware Software desde a aquisição desta última em Março de 2012. 
Esta solução de captura inteligente permite uma extracção precisa de dados críticos e sensíveis a partir de documentos impressos, com validação dos dados extraídos. Esta pode passar de forma inteligente os conteúdos para um sistema de gestão de dados (DMS), sistema de Enterprise Resource Planning (ERP) ou para um sistema de gestão financeira. A Solução de Captura Distribuída Inteligente tem ainda a vantagem de não funcionar com base em regras, não sendo necessários modelos de documentos, palavras-chave ou outras técnicas semelhante: funciona com tipos variados de documentos e layouts. A Solução de Captura Distribuída Inteligente da Lexmark elimina a necessidade de templates, palavras-chave, zonas livres ou outro tipo de regras e técnicas, permitindo assim poder ser usada para uma variedade de tipos de documentos e formatos. “Esta é uma solução que marca uma nova etapa no desenvolvimento de produto da Lexmark, após a incorporação da Brainware Software e que num curto espaço de tempo conseguimos trazer para o Mercado um produto desenvolvido de raíz com o know how de ambas as empresas e que trará mais valias para todos os nossos clientes que a queiram adoptar, simplificando os seus processos de negócio e reduzindo o risco de imprecisões ou erros de dados”, afirma Nelson Bravo, Director de Canal, Marketing e Consumo da Lexmark Ibérica.

Canon distinguida com seis prémios TIPA

canon mg8250A Canon foi distinguida com seis prémios Technical Image Press Association (TIPA) – a associação europeia da imprensa de fotografia. Visando reconhecer os melhores produtos lançados ao longo do ano anterior, os prémios TIPA são considerados os prémios de imagem mais cobiçados do mundo. 
Constituído por editores das mais prestigiadas publicações de fotografia da Europa, o júri da TIPA reúne-se anualmente para avaliar os produtos mais recentes, tendo em conta critérios que vão da inovação ao design e à qualidade geral do produto. O júri selecciona e premeia os produtos de maior destaque nos últimos dozes meses distinguindo este ano os seguintes produtos Canon: 
• Melhor DSLR Profissional: Canon EOS-1D X
• Melhor Câmara Compacta Expert: Canon PowerShot G1 X
• Melhor Objectiva DSLR Profissional: Canon EF 8-15mm f/4L USM fisheye
• Melhor Impressora Fotográfica Multifunções: Canon PIXMA MG8250
• Melhor Câmara DSLR para Vídeo: Canon EOS 5D Mark III
• Melhor Câmara de Vídeo Profissional: Canon EOS C300 Digital Cinema Camera

“É com grande orgulho que recebemos estes seis prémios da TIPA. O último ano foi excepcional para a Canon, com uma série de lançamentos de produtos inovadores, incluindo a reconhecida EOS C300 e a muito esperada EOS 5D Mark III,” afirmou Kieran Magee, Director de Marketing, Professional Imaging, da Canon Europa. “O grande reconhecimento dos membros do júri TIPA sublinha o nosso compromisso com a excelência da imagem e os impressionantes produtos que desenvolvemos para entusiastas da fotografia e profissionais.”

Konica Minolta lança bizhub 165

km bizhub165A Konica Minolta lançou a bizhub 165, um equipamento monocromático a preto e branco, que fotocopia em formato até A3, para além de imprimir e digitalizar documentos. O novo equipamento é especialmente intuitivo e fácil de usar. Está equipado com um painel de controlo, um ecrã LCD e um indicador LED que indica o estado de cada trabalho e os erros que possam ocorrer. 
Com uma velocidade de 16 fotocópias por minuto, a bizhub 165 copia vários tipos de documentos tais como diagramas, artigos de jornais ou páginas duplas. A bizhub 165 faz com seja mais fácil copiar os dois lados de um documento para uma folha A4 e traz incorporado o toner polimerizado Simitri HD que garante bons resultados mesmo com os caracteres mais pequenos, com nitidez e clareza.
“O equipamento tem um baixo consumo de energia e modos standby e poupança que, combinando com pequenos períodos de aquecimento, faz com se poupe dinheiro e recursos, dando conta dos trabalhos do dia-a-dia de um escritório” afirma Hendrik Wielinga, Marketing & Product Manager da Konica Minolta Portugal.

Brother aposta em equipamentos de impressão portáteis


brother RJA Brother tem uma nova linha soluções móveis de impressão e digitalização. No segmento de scanners a Borther lança dois modelos portáteis a cores, o DS-600 e DS-700. São equipamentos compactos, portáteis e com carregamento através de USB, não precisa de carregador e bateria. O DS-700 também permite digitalização dupla face.
A Brother disponibiliza ainda a nova série de impressoras portáteis RJ, uma solução móvel com a capacidade de imprimir folhas até 102mm de largura. A série RJ foi concebida para poder ser utilizada com uma grande variedade de recibos, pequenos documentos e etiquetas, em sectores de actividade tão distintos como vendas, serviços de emergência, logística e armazenamento. Têm uma velocidade de impressão até 127mm por segundo, utiliza tecnologia de impressão térmica, com baixo custo de manutenção e consumíveis. Leve e com design ergonómico, os equipamentos da série RJ podem ser guardados em espaços pequenos ou carregados por longos períodos de tempo. A certificação IP54 assegura a sua utilização sem percalços em ambientes húmidos ou com sujidade. A sua robustez foi testada através de um conjunto de teste de impacto, com quedas até 1,8m.
Os modelos RJ têm ligação USB e de Série para imprimir ligado a um laptop ou tablet. O modelo RJ-4030 também tem Bluetooth, enquanto a RJ-4040tem ligação wi-fi. Entre o conjunto de acessório da série RJ estão incluídas baterias, adaptador para carregamento eléctrico e soluções de transporte. Entre os consumíveis destacam-se os recibos de 102mm e etiquetas de corte.

Sociedade Ponto Verde premeia reciclagem no Rock in Rio

spv rirA presença da Sociedade Ponto Verde (SPV) na Cidade do Rock irá, uma vez mais, premiar todos os que se deslocarem ao seu espaço no evento e participarem na acção especialmente pensada para estes dias. 
Basta levar um copo de plástico para o ecoponto gigante para receber uma credencial Sociedade Ponto Verde que permitirá começar a contabilizar os pontos necessários para ganhar diversos prémios. Ao jogar na Slot Machine pode ainda duplicar ou triplicar os pontos. Quanto mais pontos juntar, mais hipóteses tem de ganhar. E para juntar pontos, basta colocar o maior número possível de copos no ecoponto gigante disponibilizado no espaço da SPV para o efeito.
Ao levarem os copos usados até ao ecoponto, os participantes estarão também a contribuir para aumentar os números de reciclagem do evento, com o objectivo de superar os bons resultados das edições anteriores. A edição 2012 é uma vez mais candidata à certificação 100R®. Recorde-se que o Rock in Rio-Lisboa foi o primeiro evento em Portugal e no Brasil a aderir ao 100R® - Reciclagem 100% Garantida, o selo criado em Portugal em 2008, pela Sociedade Ponto Verde, para certificar eventos, espectáculos ou espaços comerciais que encaminham correctamente para reciclagem os resíduos gerados nesses locais. «O Rock in Rio tem sido um sucesso em termos de sustentabilidade. Queremos continuar a contribuir para o correcto encaminhamento dos resíduos gerados no recinto», salienta Luís Veiga Martins, Director-geral da Sociedade Ponto Verde.