Login

Media Design School of Digital Arts com novos programas

Ler mais...A Media Design School of Digital Arts, na California, anunciou a introdução de novos programas para o ano lectivo de 2014-2015 em Animação, Arte para Jogos e Design de Jogos. Os novos programas somam-se à oferta actual de Arte para Media Digital Os programas foram desenvolvidos através de colaborações com a Media Design School de Auckland, Nova Zelândia, uma importante escola de animação e design de jogos com talentos que contribuíram para filmes de sucesso como Avatar, King Kong e a trilogia O Senhor dos Anéis.

"Estamos muito felizes por colaborar com a Media Design School para ajudar os alunos a desenvolverem habilidades de arte digital para o mercado global de design, e acreditamos que a proximidade de San Diego das maiores indústrias de filmes e tecnologias também proporcionará aos nossos formandos muitas oportunidades educacionais e profissionais", afirmou Linda Sellheim, directora da Media Design School of Digital Arts at NSAD.

A NewSchool of Architecture and Design (NSAD) foi fundada em 1980 e localiza-se em San Diego, Califórnia. Nos últimos dois anos, a DesignIntelligence classificou a NSAD como uma das 10 melhores faculdades de arquitectura e design do oeste dos Estados Unidos. As crescentes ofertas globais de ensino de design incluem um programa de Design de Interiores e outro de Design de Produtos, ambos através da Domus Academy School of Design. Os programas em Arte para Média Digital, Animação, Arte para Jogos e Programação de Jogos estão disponíveis através da Media Design School of Digital Arts.

FAUL celebra 22 anos de design

Ler mais...A exposição “22 anos de Design na FAUL” mostra o trabalho desenvolvido pelos licenciados, mestres e doutores em diversas áreas de Design (Produto e Serviços, Moda, Comunicação, Ambientes, etc.) e estará patente ao público no MUDE entre 23 de Janeiro e 23 de Fevereiro de 2014.

 

A Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa, em parceria com o MUDE-Museu de Design e da Moda, Colecção Francisco Capelo, celebra em 2014 vinte e dois anos de ensino superior público universitário em Design.

Serão expostos desenhos, ilustrações, fotos, protótipos de objectos de uso quotidiano, mobiliário urbano, vestuário, joalharia, design gráfico, multimedia, window displays,
projectos de investigação, entre outros.

Paris celebra design gráfico

Ler mais...O design gráfico está na publicidade, na Internet, nas embalagens e em todos os produtos que manuseamos, mas o seu valor é pouco reconhecido. Paris vai receber então o primeiro festival dedicado ao tema, a Fete du Graphisme, que começa com a exposição "Celebrar Paris".


A cidade de Paris encomendou pósteres a artistas gráficos de 25 países. Algumas das propostas recorrem ao desenho, outras à fotografia e até à pintura, enquanto outros só se valeram da tipografia.


Michel Bouvet, responsável pelo evento dedicado ao design gráfico afirma que a exposição visa “alcançar o grande público". O responsável afirma que as pessoas não conhecem as artes gráficas e suas múltiplas formas. Actualmente essa disciplina engloba a edição e tudo o que é feito em papel, mas também trabalhos feitos em suportes digitais, videoclips, créditos de filmes, entre outros.

Omdesign cria para “Portugal by C. da Silva”

Ler mais...A agência Omdesign é responsável pela imagem dos vinhos “Portugal by C. da Silva”, lançados e disponíveis em exclusividade nas Lojas Duty Free “Lojas Francas de Portugal” dos aeroportos nacionais.
A marca apresenta dois vinhos – o Douro Reserva 2011 e o vinho do Porto LBV 2008 – que adoptam a identidade de Portugal e da sua bandeira e pretendem ser fiéis embaixadores do melhor que se faz no país, nomeadamente na região vinhateira do Douro, Património Mundial.

Omdesign assina campanha da UNESCO

A Reserva Mundial da Biosfera da UNESCO da Ilha do Príncipe lançou uma campanha de sensibilização e mobilização, com o intuito de alertar toda a população para a necessidade de uma maior preservação ambiental, promover a redução da produção de resíduos, estimular o uso de embalagens reutilizáveis e eliminar o plástico na Ilha do Príncipe, associando ainda a disponibilidade de água potável. A campanha tem a assinatura da Omdesign.

Ler mais...


“Plástico não. Um pequeno gesto está na nossa mão.” é o claim utilizado nos diferentes suportes criados para sensibilizar a população para a realidade que é o excesso de plástico na Ilha e para a qualidade da água consumida. A campanha pretende envolver toda a população na recolha do plástico - 50 garrafas podem ser trocadas por uma “Garrafa Biosfera Príncipe”, uma garrafa reutilizável em aço inoxidável, feita com materiais seguros e livres de plásticos, podendo esta ser reabastecida nos diferentes postos de água tratada e pura instalados em toda a Ilha do Príncipe, classificada, desde 2012, como Reserva Mundial da Biosfera da UNESCO.

Esta campanha é promovida pelo Governo Regional do Príncipe, através da Reserva da Biosfera da Ilha do Príncipe, contando com apoios da empresa HBD, da própria UNESCO e do Ministério do Ambiente de Espanha.

Prémio esloveno de melhor design editorial vai para português

Ler mais...O prémio de melhor Design Editorial na categoria de libro bilingue num concurso esloveno vai para um português. Cláudio Rodrigues venceu com o libro “Poetas Eslovenos e Portugueses do século XX (Continuação de duas antologias inacabadas)”.
Trata-se de uma obra organizada e coordenada por Mateja Rozman, em colaboração com Casimiro de Brito, que traduz as correntes literárias do século XX nos dois países.. A antologia reúne poemas de Fernando Pessoa, Jorge de Sena e Sophia de Mello Breyner Andresen assim como poemas de autores eslovenos. A antologia pretende apresentar a poesia a estudantes de língua eslovena em Portugal e de língua portuguesa na Eslovénia, assim como ao público em geral, contribuindo para um melhor conhecimento das obras dos autores antologiados.
Cláudio Rodrigues criou em 2011 a OOF – Comunicação, Design e Invenção. É licenciado em Design Gráfico e mestre em Design da Imagem pela Faculdade de Belas-Artes do Porto.

Adriano Ramos Pinto pelas mãos da Omdesign


Ler mais...A Omdesign é responsável pelo design, paginação e produção do livro “Adriano Ramos Pinto Vinhos e Arte”, que visa homenagear Adriano Ramos Pinto, fundador da Casa Ramos Pinto, assim como todos os intervenientes na história da empresa.

O livro tem 400 páginas e compila grande parte do espólio actual da Casa Ramos Pinto. Retrata a autenticidade, irreverência e espírito de Adriano Ramos Pinto, inovador que se destacou no sector do vinho do Porto, tendo contribuído para a história de um produto único. Editada pela Casa Ramos Pinto, a obra já foi apresentada com a presença dos autores - Graça Nicolau de Almeida e José António Gonçalves Guimarães -, e vai estar disponível para venda, ainda este mês, nas lojas Fnac.

Omdesign assina comunicação do Espaço Porto Cruz

Ler mais...A agência portuense Omdesign é responsável pela campanha de comunicação do novo Espaço Porto Cruz, em Vila Nova de Gaia. O Espaço Porto Cruz é um centro multimédia, um lugar informativo, expositivo e de lazer que oferece novas experiências com vinho do Porto e convida a experimentar um vinho histórico, de forma inovadora e interativa.
A campanha de comunicação designada “New Experience Port Wine”, assinada pela Omdesign, conta com diversos suportes promocionais e de comunicação e é dirigida aos apreciadores de vinho do Porto e a todos os que pretendem saber mais sobre a sua história, os seus produtos e a sua arte.

Academia de design de comunicação está de regresso

Ler mais...A FLAG vai estrear a primeira edição da Academia FLAG de Design de Comunicação, no Porto, no dia 6 de Novembro, e lançar a terceira edição, em Lisboa, no dia 4 do mesmo mês.
Gabriel Augusto, diretor-geral da FLAG, explica que a terceira edição da Academia tem a preocupação de adequar toda a aprendizagem prática à realidade do mercado de trabalho: “durante a formação, teremos empresas reais que darão aos alunos briefings reais para a elaboração de propostas, permitindo assim uma total aproximação ao real mercado de trabalho. No final da formação está também prevista uma entrevista com os diretores criativos de várias agências de publicidade e comunicação, por forma a preparar a integração dos participantes no mercado” refere. Outra das mais-valias da Academia FLAG de Design de Comunicação é o facto de “apresentar uma equipa de formadores especialistas que atuam diariamente nos mais diversos campos do Design, privilegiando, desta forma, uma aprendizagem prática, atual e adequada à realidade de mercado”, explica Gabriel Augusto.
Os profissionais que já frequentaram edições anteriores da Academia de Design de Comunicação reforçam que o conhecimento prático é uma das mais valias desta formação: “um dos pontos mais altos é o contato direto com os clientes que serve logo de preparação para o mundo do trabalho”, explica Tomás Gil. César Garcia, outro participante na anterior edição da Academia de Design de Comunicação refere que esta formação lhe deu “uma série de ferramentas que serviram para que agora possa ter uma melhor oportunidade no ingresso no mercado de trabalho”.
Durante o curso, prevê-se ainda a realização de diversos projetos, workshops e visitas a eventos externos, relacionados com as situações concretas para os quais os profissionais de Design de Comunicação, no contexto do mercado atual, devem dar resposta.
A terceira edição da Academia FLAG de Design de Comunicação, em Lisboa e a primeira no Porto, apresenta uma duração total de 978 horas de formação presencial. Limitada a 12 vagas, o processo de candidaturas está dividido em duas fases, terminando a 15 de Outubro. Os interessados poderão ter acesso a mais informações sobre este processo em www.flag.pt/academia_designcom/

Centro Português de Design vai ser extinto

Ler mais...A actividade do Centro Português de Design (CPD) vai ser descontinuada por motivos económicos. Os funcionários receberam a indicação de que o CPD seria extinto por "não sustentabilidade económica". Por enquanto existem auditorias de projetos a decorrer e por isso o CPD ainda está em actividade. Fontes do Ministério da Economia revelaram ao Diário de Notícias que "no atual contexto, tornou-se inviável a manutenção do CPD, não só porque o respetivo modelo de financiamento seguido se esgotou, mas sobretudo pelo facto de o CPD não ter sido capaz de cumprir os objectivos que presidiram à sua criação". Vai decorrer um processo de despedimento colectivo, "por acordo mútuo entre o CPD e os seus diversos colaboradores. Refira-se, ainda sobre a questão dos Recursos Humanos, que actualmente o CPD só dispõe de dois designers sendo os restantes colaboradores da área administrativa".