Login

Colombiano vence grande prémio PortoCartoon 2014

World Festival, organizado pelo Museu Nacional da Imprensa, e subordinado ao tema "Água Viva/ Terra Viva". O trabalho vencedor tem por título "Plastic Bottles". aequo foram para "Living Earth" de Jerzy Gluszek, da Polónia, e "Water Prize" de Halit Kurtulmus, da Turquia.

Ler mais...



A elevada qualidade dos trabalhos levou o júri internacional a atribuir ainda dezassete Menções Honrosas a artistas de diferentes países: Bélgica, Brasil, Colômbia, Espanha, França, Nicarágua, Portugal, Républica Checa, Roménia e Ucrânia. A edição deste ano contemplou dois prémios especiais de caricatura, em homenagem a Nelson Mandela e a Siza Vieira. Os vencedores foram, respectivamente, André Carrilho, de Portugal, e Ivan Prado, autor peruano residente na Alemanha.

Em apreciação estiveram cerca 1800 obras, de 500 artistas, oriundas de todos os continentes. O Irão é o país com mais participação: 340 trabalhos, de 82 cartunistas. Seguem-se Portugal , Sérvia, Turquia e Roménia.

Ler mais...


O Júri internacional do XVI PortoCartoon, presidido por Georges Wolinski - cartunista do Liberation e Paris-Match - integrou Xaquín Marín, fundador do Museo de Humor de Fene (Espanha), Júlio Dolbeth, em representação da Faculdade de Belas Artes do Porto, Roberto Merino, encenador, e Luís Humberto Marcos, director do PortoCartoon e do Museu Nacional da Imprensa. O Presidente do Júri, Georges Wolinski, realçou na conferência de imprensa, a qualidade dos trabalhos desta edição, sublinhando a sua maior "inteligência e ousadia".

Os vencedores do XVI PortoCartoon receberão os troféus e os prémios durante a cerimónia de abertura da exposição que decorrerá nas instalações do Museu Nacional da Imprensa, a 23 de Junho, aquando das Festas do S. João.

Rivoli recebe conferências de design

Ler mais...O "Plug&Play" vai regressar ao Rivoli, no Porto, a 9 e 10 de Abril. O ciclo de conferências de design conta com convidados a nível internacional e vai abordar conferências em áreas como a Tipografia, a Ilustração, o Editorial, a Identidade Corporativa, os Motion Graphics e o Design para Web.

Presentes naquela que será a quinta edição do evento vão estar André da Loba e Marta Monteiro na ilustração, o tipógrafo Rui Abreu, o Estúdio Dobra, o White Studio e o R2 Design, os espanhóis Lo Siento, os franceses Helmo, os holandeses POSTPANIC e os britânicos Tomato.

O "Plug&Play" decorre no âmbito do curso de Design e Comunicação Multimédia com o apoio do Departamento de Artes Visuais da Escola Superior Artística do Porto.

Designer portuguesa imprime pasta de insectos para alimentação

Ler mais...Susana Soares é a designer que utiliza a impressão para fazer biscoitos cobertos com paté de insectos. A designer apresentou os "Insects au Gratin" numa exposição no Museu de Arte Moderna do Luxemburgo, que reúne sete designers portugueses e seis luxemburgueses.

A designer pretendia encontrar uma alternativa ecológica à carne recorrendo a uma impressora 3D e a uma tecnologia que desenvolve na London South Bank University. A designer utilizou bolachas normais onde foi impresso um paté de insectos com queijo-creme e pimenta caiena.


"O que as pessoas dizem é que não sabe a insectos, mas também ninguém sabe muito bem o que é o sabor de insectos. As pessoas tentam sempre fazer uma comparação com o que conhecem, mas não há aqui um sabor muito forte: o sabor mais forte é o do queijo que foi usado como base" referiu Susana Soares à imprensa. "Quatro grilos têm o mesmo cálcio que um copo de leite, e são mais fáceis de produzir do que uma vaca", referiu a designer. A ideia surgiu depois de uma TED Talk, em que o entomologista Marcel Dicke propunha o consumo de insectos para reduzir o impacto ecológico da criação de animais e combater a fome no mundo.



Susana Soares é licenciada pela Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha, com um mestrado no Royal College of Art de Londres e tem 37 anos.

Society for News Design volta a premiar Portugal

Ler mais...Andrea Espadinha e Dinis Correia são os designers responsáveis pelo projecto que granjeou mais um prémio para “O PÚBLICO”, pela Society for News Design. Numa lista dominada por trabalhos norte-americanos, Floresta em Perigo é o único representante português com um prémio de excelência.

A reportagem foi efectuada por Joaquim Guerreiro e Raquel Albuquerque, que acompanharam o processo de prevenção e combate aos incêndios na floresta portuguesa, da limpeza dos terrenos baldios às histórias de quem tenta impedir tragédias. O site que albergou a reportagem granjeou uma medalha de ouro para inovação multimédia nos prémios ÑH e foi finalista dos prémios do Observatório de Ciberjornalismo).

The New York Times é o mais destacado vencedor desta edição dos prémios da Society for News Design dedicados aos sites de informação, com quatro medalhas de prata e 55 prémios de excelência.

O The Washington Post recebeu duas medalhas de prata e 19 prémios de excelência, enquanto a National Geographic arrecadou duas medalhas de prata e 17 prémios de excelência. O The Boston Globe conseguiu uma medalha de prata e 15 prémios de excelência e o britânico The Guardian, com o trabalho NSA Files: Decoded assim como a rádio pública norte-americana NPR, com o Planet Money Makes A T-Shirt, conquistaram as duas únicas medalhas de ouro.

Em meados de Fevereiro, a Society for News Design (organização sem fins lucrativos fundada em 1979) já tinha atribuído os prémios relativos a 2013 para as edições em papel.

Público e Expresso finalistas para o melhor design

Ler mais...A Society for News Design atribuiu três prémios ao jornal português Público. As capas do jornal do dia da morte de Nelson Mandela e do suplemento da mesma edição, assim como uma fotografia da capa da revista 2 foram as distinguidas. O semanário Expresso também integrou o lote de finalistas para o jornal mais bem desenhado do mundo.

Os cinco jornais mais bem desenhados do mundo são o sueco Dagens Nyheter, o canadiano The Grid, o britânico The Guardian e os alemães Die Zeit e Welt am Sonntag. A Society for News Design, organização não lucrativa, foi fundada em 1979 e em 1988 juntou-se à NewHouse School of Public Communications da Universidade de Syracuse, que é também responsável, todos os anos, em Fevereiro, pela escolha destes galardões.

Wallpaper promove concurso de design

Ler mais...A revista Wallpaper, em parceria com a MyBed e a cadeia de hotéis de luxo Sofitel, lançou um concurso de design. As participações fazem-se através do www.wallpaper.com e destinam-se a fazer um projecto de cama, original, criativo e que represente o universo MyBed.


O vencedor e os finalistas vão ser premiados com estadias em hotéis Sofitel. O design vencedor vai passar a produção e vai ser exibido noa unidade alemã, Sofitel Munich Bayespost, assim como publicado numa secção especial da Wallpaper.

O júri é composto por representantes da Sofitel, a directora criativa da Wallpaper, Sarah Douglas, o arquitecto de interiores Nicolas Adnetand e o designer francês Herve Van Der Straeten.

Abriu a época do design da sardinha

Ler mais...Abriu a época da sardinha! Ou do design da sardinha, para sermos mais precisos. Já abriu o concurso promovido pelo EGEAC, para a criação do símbolo das Festas de Lisboa 2014. Para isso, basta responder, de forma gráfica, à questão: Que sardinha és tu?

As propostas são aceites até dia 7 de Março, altura em que são escolhidas sete sardinhas, cada uma a receber um total de 2000€ em prémio. Mas só a 15 de Maio é que se sabe quem vence o concurso. A iniciativa está aberta a designers nacionais e estrangeiros, que se podem inscrever no site das Festas de Lisboa. Cada concorrente pode submeter três propostas.

Foi em 2003 que o atelier Silva Designers!, de Jorge Silva, criou a sardinha como símbolo das Festas de Lisboa. A primeira edição do concurso para a criação das sardinhas arrancou em 2011.

Designers ingleses querem protecção de propriedade intelectual

Ler mais...A lei da propriedade intelectual está em debate, na Câmara dos Comuns, em Londres, assim como na sociedade civil. Está em discussão de a cópia deliberada de projectos registados deve tornar-se uma ofensa criminal. Alguns designers do Reino Unido desejam uma legislação mais rigorosa, que veria a violação de direitos de design não registados tornar-se também numa ofensa criminal.
O registo de peças de design para protecção da propriedade intelectual tem um custo de 60 libras cada. Numa carta publicada no jornal The Times, o designer Sebastian Conran diz: " O roubo é crime (…) e não devemos ter que registar ou pagar para estabelecer a propriedade."

Galp desafia os designers nacionais

Ler mais...A Galp Energia está a realizar um concurso de design para a nova imagem das garrafas de gás butano. O objectivo é promover a capacidade empreendedora no sector da energia e é composto por dois desafios.

O primeiro desafio, que decorre de 3 Fevereiro a 15 Maio 2014, visa a apresentação de propostas de design criativas, utilizando uma garrafa de gás butano da marca Galp, tendo para isso total liberdade artística. Os candidatos poderão fazer uma intervenção artística e/ou plástica, na e/ou com a garrafa, podendo ser conjugados, nessa composição, outros elementos/componentes. Serão seleccionadas cerca de 50 propostas que passarão à fase 2, em que os candidatos implementarão a sua visão artística na garrafa de gás a fornecer pela Galp Energia. As garrafas terão por finalidade a sua exposição em locais públicos.

O segundo desafio apenas tem uma fase, que decorre de 3 Fevereiro a 21 Março de 2014. Os candidatos deverão apresentar propostas de design para a nova pintura das garrafas de gás butano, em duas versões: Lusa e Ibérica. A empresa não pretende a alteração à forma física da garrafa, mas sim uma proposta de nova pintura a aplicar nas garrafas de gás que são utilizadas na distribuição de gás butano. No final será também solicitado, exclusivamente aos vencedores, uma proposta de design para a nova imagem da garrafa Pluma, tendo por base os pressupostos.

Os candidatos poderão concorrer apenas a um ou aos dois desafios em simultâneo, sendo o primeiro prémio a quantia de €5.000, seguida de um segundo prémio de €3.000 e um terceiro de €2.000.