Login

Europac vai construir nova fábrica em Marrocos

tangerO Grupo Europac (Papeles y Cartones de Europa, S.A.) adquiriu, na cidade marroquina de Tânger, um terreno para a construção de uma nova fábrica integrada de cartão ondulado. A nova fábrica deverá estar em funcionamento no primeiro semestre de 2015.

A primeira fase deste projecto começou no primeiro trimestre de 2013, com a abertura de um centro dedicado à montagem de caixas heavy duty destinadas ao sector automóvel. Nesta etapa inicial do projecto também foram instaladas as linhas de converting para a transformação de prancha de cartão em caixas.

O terreno agora adquirido e onde será construída a nova fábrica integrada de cartão ondulado tem uma área de 30 000 metros quadrados e fica situado no parque Tanger Automotive City (TAC), uma nova área industrial de 300 hectares dedicada especialmente à promoção do sector automóvel e seus componentes.

A localização da fábrica, dentro do recinto do TAC, representa uma vantagem competitiva quer do ponto de vista comercial quer logístico. O TAC está estrategicamente situado entre as cidades de Tânger e Tetouan, a apenas 20 quilómetros da Tânger Free Zone e do Tânger Med Port, que será um dos portos comerciais de referência do Mediterrâneo quando estiverem concluídas as obras de ampliação que estão a decorrer até 2015.

As novas instalações vão ter uma onduladora para a fabricação de prancha de cartão a partir de bobinas de papel e uma secção de transformação de prancha em caixas de cartão com três linhas adicionais de converting. Após a conclusão do projecto, tanto do centro de montagem de caixas heavy duty como das duas linhas de converting, que actualmente já estão em funcionamento, serão transferidos para a nova fábrica.

No total, o investimento estimado para o projecto ascende a 30 milhões de euros, que serão investidos em diferentes etapas, incluindo uma terceira e última fase que vai implicar a instalação de duas novas linhas de converting até um total de sete na nova fábrica. Estima-se que o projecto permita a criação de um número significativo de postos de trabalho directos.