Login

Há um ambiente positivo na indústria, diz a drupa

Infographic 1 Key finanacial measures for printers
 
 
As gráficas e os fornecedores mostram cada vez mais confiança no desempenho económico das suas empresas. A embalagem continua a ser o mercado mais dinâmico e tem havido uma melhoria constante na confiança ao longo dos últimos cinco anos entre as gráficas comerciais.
 
As gráficas funcionais partilhavam do otimismo, mas houve um aumento na incerteza no início do ano. As gráficas dedicadas ao editorial enfrentam, provavelmente, os maiores desafios e mostram alguma diminuição na confiança, apesar da redução da ameaça dos livros eletrónicos. As conclusões são do relatório de tendências globais elaborado pela organização da drupa, que será publicado no final do mês de abril.
 
Infographic 4 Global market sector
 
“O relatório indica que a impressão pode estar otimista em relação ao futuro. Após o duplo golpe da crise global de 2008 e a mudança do consumidor para as comunicações digitais, os impressores e fornecedores estão a aproveitar ao máximo o lento, mas claro renascimento económico global, descobrindo novas maneiras de explorar tecnologias emergentes, de forma a colocar a impressão como uma ferramenta central para os consumidores.” Sabine Geldermann, diretora da drupa
 
 
No estudo, realizado pela Printfuture (Reino Unido) e pela Wissler & Partner (CH), participaram 700 gráficas e quase 250. Richard Gray, diretor de operações da Printfuture, afirma: “Tanto as gráficas quanto os fornecedores entendem claramente os desafios estratégicos que a impressão enfrenta. No entanto, há uma crescente confiança num futuro forte para as gráficas na maioria dos mercados e regiões, desde que analisem os mercados-alvo com cuidado e façam inovações adequadas para atender às necessidades futuras dos clientes dos seus clientes”.
 

Desafios regionais, mas forte crescimento nas vendas

Em termos regionais, o quadro é positivo no geral, mas com claras exceções. A América do Norte tem sido consistentemente a região mais forte ao longo do tempo, embora a Europa tenha mostrado uma confiança cada vez maior. Infelizmente, a África e o Oriente Médio veem um claro declínio na confiança ao longo do tempo.

Globalmente, este é o quarto ano de confiança crescente relatada pelos fornecedores. O que chama a atenção, este ano, é o aumento nas vendas de equipamentos / software / materiais (+ 29% do saldo líquido).

As gráficas reportam que o esmagamento nos preços e margens continua e é melhor enfrentado ao aumentar a utilização e, consequentemente, as receitas, mantendo os custos o mais estáveis possível. Há evidências de que, com o tempo, a pressão sobre os preços e as margens está um pouco menor. No entanto, a imagem regional é muito mais irregular. Por exemplo, enquanto a América do Norte relatou algum aumento nos preços, a Austrália / Oceânia relatou uma queda clara nos preços. Os preços da Embalagem mantêm-se enquanto a no setor Editorial e, em menor grau, os preços comerciais continuam a diminuir.
 

O digital cresce, mas o convencional ainda domina

A transição para a impressão digital continua, mas lentamente, com as gráficas da área da impressão Funcional amplamente dependentes da impressão digital. Mas poucas gráficas de embalagem relatam vendas significativas na área do digital (60% das gráficas de impressão Funcional informam que mais de 50% do volume de negócios é digital, enquanto apenas 12% das empresas de embalagens relatam que mais de 25% do volume de negócios é digital.) Apenas 27% de dos inquiridos operam na internet, havendo apensa um aumento de 2% na criação de uma loja online desde 2014.
 
Infographic 7 Top two print technology investment plans

As gráficas globais estavam mais dispostas a investir: 42% relataram um aumento na despesa de capital em comparação com o ano anterior, enquanto 9% relataram um declínio - um saldo líquido positivo de 33%. A América do Norte apresentou o melhor desempenho, com um aumento do saldo líquido de 51%, enquanto a Austrália / Oceânia ficou mais atrasada, com um aumento líquido de apenas 18%.
 
Não surpreendentemente, as empresas de Embalagem reportaram o maior saldo líquido positivo a + 45%, o Funcional a + 42%, o Comercial a + 30% e a Editorial a + 20%. O acabamento é o foco mais popular para investimentos pelo segundo ano consecutivo, seguido pela tecnologia de impressão e pré-impressão / fluxo de trabalho / MIS.

Os planos para o investimento em impressão em 2018 dependem do setor de mercado, com a Flexografia a ser a escolha mais popular em Embalagem, seguida do offset de folha-a-folha. Em impressão comercial, o toner digital de folha cortada lidera as intenções, seguida do offset e do jato de tinta do grande formato. No Editorial lidera o offset folha-a-folha seguido do toner digital de folha cortada e na impressão Funcional é o toner digital a liderar seguida da impressão de grande formato.