Login

Cabo de libertação do obturador permite captar imagens com duas câmaras em simultâneo

VMC MM2 a7RIII

A Sony apresenta uma solução de captação com duas câmaras para a RX0 com o lançamento de um novo cabo de libertação do obturador.


A série RX0, da Sony acaba de crescer. A marca anunciou o lançamento de um cabo de libertação do obturador, o VMC-MM2. Trata-se de uma nova solução para uma captação de duas câmaras, oferecendo liberdade para captar simultaneamente dois tipos distintos de conteúdos.


A combinação da RX0 com outras câmaras α™ ou Cyber-shot® da Sony, através do suporte Multi Interface Shoe™ ou de outros suportes/equipamentos, permite utilizar a RX0 como uma subcâmara para captar imagens de alta qualidade em simultâneo.


O VMC-MM2 permite captar simultaneamente fotografias e filmes através de uma simples pressão do botão do obturador da câmara principal. Além disso, possibilita a captação de um momento de duas formas diferentes, com uma variação da perspetiva, da profundidade de visão ou da taxa de fotogramas, entre outras, para obter duas formas de expressão distintas e, assim, aumentar a quantidade de conteúdos captados e alargar a oferta disponível aos clientes.
O seu cabo de design em espiral, com uma ficha em ângulo reto, permite manter tudo arrumado e afastado do visor eletrónico durante a captação.


Esta forma de captação com duas câmaras é particularmente útil para jornalistas e fotógrafos de casamentos, eventos e conferências de imprensa. Oferece ainda a possibilidade de captar múltiplas perspetivas, a partir de diferentes ângulos de visão, que podem ser posteriormente editadas e incluídas numa série de trabalhos.


O novo VMC-MM2 estará disponível na Europa a partir de abril de 2018, a um preço aproximado de 55€.

 

A Sony Corporation é um fabricante líder de produtos de áudio, vídeo, imagem, jogos, comunicação, dispositivos essenciais e tecnologias da informação, para os mercados de consumo e profissional. A Sony registou um volume de vendas anual consolidado de aproximadamente 76 mil milhões de dólares no ano fiscal terminado a 31 de março de 2017.