Login

NEC lança o SpectraView 552

Ler mais...A NEC Public Display Solutions lançou o public display NEC SpectraView 552, o primeiro membro da SpectraView® Series criado para fornecer imagens em tamanho real com cores precisas. Em simultâneo está também a lançar um site dedicado à gestão da cor, para ajudar diariamente os profissionais de áreas tão diversas como pré-impressão e impressão, fotografia, vídeo e pós-produção, ou agências de publicidade, empresas de venda por catálogo e indústrias verticais como a têxtil ou cosmética.

O SpectraView 552 é um LCD de topo de 55 polegadas que suporta aplicações que requeiram uma reprodução de cores precisa com um conjunto de recursos, oferecendo uma gestão integrada de cores a 10-bit para suportar toda a palete dsRGB e ainda uma grande diversidade de interfaces.

Com uma resolução nativa de 1920x1080, o SpectraView 552 vem já configurado para dsRGB, o que significa uma precisão de cor instantânea com conteúdo criado com o standard dsRGB. Conta também com uma relação de contraste de 4000:1 e uma luminosidade de 400cd (brilho máximo 700 cd/m2), estando preparado para as situações mais exigentes dos profissionais de cor.

Uma das suas características únicas é a capacidade de calibragem de cor via hardware através da 10-bit Lookup Table. Acessível por DVI-D ou conectores DisplayPort e gerida pelo software nativo SpectraView Profiler PD, o ecrã pode ser re-calibrado a qualquer momento para dsRGB ou qualquer outro brilho adequado, ponto branco ou combinação gama.

Projectado para uma ampla diversidade de aplicações, o SpectraView 552 adiciona capacidades de encadeamento, bem como um par de altifalantes integrados de 10W e tecnologia da NEC dual-slot - que permite a integração de computadores de placa única e outras opções de slots com base no actual standard NEC e no novo standard NEC/Intel OPS, sem necessidade de se acrescentar equipamento externo. A conectividade assenta numa variedade de opções de conexão analógica, bem como DVI-D (com HDCP), HDMI e DisplayPort.

O SpectraView 552 surge no mercado com um cabo de alimentação, VGA, DVI-D e DisplayPort e manual de utilizador em CD-ROM. O software SpectraView Profiler PD também é fornecido em CD-ROM. A NEC Display Solutions Europe oferece uma garantia de três anos de serviço pan-europeu, incluindo para a luz de fundo.

Em paralelo, a NEC Display Solutions Europe está a lançar um site dedicado ao mundo da gestão de cor que oferece informação prática do funcionamento da cor, aplicações críticas da cor, os factores críticos de sucesso para uma gestão eficiente da cor, a par das mais recentes novidades tecnológicas da NEC, cenários reais de utilização de cor em diversas empresas e toda a gama de oferta da NEC ao nível de oferta profissional de cor disponível em http://www.nec-display-solutions.com/p/sv/en/home.xhtml

Peres-Soctip entra em insolvência

Ler mais...Depois do encerramento da Madeira & Madeira, a semana passada contou ainda com o pedido de insolvência de outra grande gráfica nacional. Após 80 anos de funcionamento, a Peres-Soctip entregou um pedido de insolvência no tribunal de Benavente.
Os funcionários foram informados do caso através de um comunicado interno, sendo que são cerca de 180 os que vão para o desemprego. A empresa já se debate com problemas financeiros há algum tempo, tendo começado a reduzir despesas há mais de um ano. Desde Agosto de 2012 a situação piorou, havendo vários ordenados e subsídios em atraso.

Funcionários cercam Madeira & Madeira

Ler mais...A gráfica Madeira & Madeira cessou a produção na passada quarta-feira, após uma reunião da administração, tendo os funcionários sido informados que a empresa ia entrar num plano de reestruturação com o apoio do IAPMEI. No entanto, ontem, os funcionários aperceberam-se de movimentos para a retirada das máquinas de impressão e outro material e fizeram um cerco às instalações, na zona industrial de Santarém, para impedir a retirada. A PSP esteve no local uma vez que os funcionários bloquearam os portões enquanto se encontrava um quadro superior da empresa no interior da mesma. A empresa contava agora com cerca de 14 funcionários, com cinco salários e subsídios em atraso, mas as dívidas aos funcionários abarcavam até 60 funcionários que decidiram ir rescindindo os contractos.

SICAL investe na comunicação “Beijo”

Ler mais...A SICAL estreia uma nova vaga da campanha publicitária “Beijo”, o filme que não deixou ninguém indiferente por ser contado do fim para o princípio, começando com um beijo e que vai revelando os vários momentos que o antecederam, e acaba com aquilo que está na sua origem: o café SICAL.
Esta campanha estará presente em televisão de 15 a 28 de outubro nos canais SIC, TVI e AXN, e nas ruas ainda em outubro e início de novembro com uma rede nacional de mupies e mupis especiais. A primeira vaga da campanha esteve no ar entre os meses de Abril e Maio.
Com esta nova vaga da campanha, a marca de café torrado da Nestlé pretende reforçar a sua nova assinatura e posicionamento, que evoluiu para “O Café Está na Origem”, ao mesmo tempo que se torna mais próxima do consumidor e assume um tom mais emocional. Esta nova assinatura coloca o café SICAL como a origem de muitos momentos bons da vida, seja um encontro de amigos, um grande amor, um momento de descontração, uma grande ideia ou um simples momento sem fazer nada.
A Strat é a agência de publicidade responsável pela campanha, e a produtora é a Molotov (com realização de Sérgio Henriques e produção de Sérgio Henriques e Rodrigo Almeida).

Océ fez showroom em Lisboa

Ler mais...A Océ apresentou as suas últimas soluções de impressão e corte em grande formato numas jornadas em que peritos e profissionais de Lisboa tiveram a oportunidade de ver aplicações de impressão e acabamento em suportes rígidos e flexíveis.
Este evento realizou-se nas instalações da Océ e da Canon em Alfragide (Amadora), entre os dias 10 e 11 de Outubro, e reuniu profissionais de Artes Gráficas (embalagens e impressão comercial), Reprografias e Laboratórios Fotográficos principalmente. Durante o mesmo, o sistema de impressão de grande formato Océ Arizona 318 GL e o software Océ ProCut demostraram as possibilidades que oferecem para a impressão, acabamento e corte sobre diversos tipos de materiais. Por outro lado, também foram mostrados diversos trabalhos realizados com a impressora Océ Arizona e o software de embalagem de ERPA (V-Pack) para o sector de embalagens e embalagens personalizadas.

Windows 8 Pro em pré-encomenda

Ler mais...Em Portugal, retalhistas como a FNAC, Worten e Staples estão a disponibilizar a campanha de pré-registos para aquisição do Windows 8 Pro nos seus sites, por um preço promocional de €69,99. A Microsoft Corporation anunciou, através de um post no blogue oficial do Windows, que o Windows 8 Pro está disponível para pré-reserva junto dos retalhistas aderentes, pelos consumidores interessados.
A FNAC, a Staples e a Worten são alguns dos retalhistas que em Portugal vão disponibilizar nos próximos dias, a partir dos seus sites web o Windows 8 Pro para pré-reserva a um preço promocional de €69,99. Mais informações sobre os preços das diversas versões do Windows 8 à venda no retalho serão anunciadas na véspera do dia do início da comercialização, 26 de Outubro próximo. Nessa mesma ocasião vai ser igualmente anunciada a lista oficial de novos dispositivos à venda com Windows 8 em Portugal até ao Natal.

Canon alarga rede de parceiros

Ler mais...A Canon Portugal acaba de integrar quatro novos parceiros em Portugal no âmbito do Canon Partner Programme, que agora vê associadas as empresas Beltrão Coelho Minho, Beltrão Coelho Ribatejo, Beltrão Coelho Algarve e Luis Marreiros, Lda. Ao abrigo do acordo agora assinado, estas empresas passarão a oferecer todos os produtos e serviços, da área de negócio Business Imaging Group, comercializados pela Canon em Portugal.

Ricardo Pinto, Channel Partner Manager da Canon Portugal disse que: “O Business Imaging Group da Canon foca a sua atividade na oferta de soluções MPS - Managed Print Services, desenvolvendo, à medida das necessidades do cliente, soluções globais integradas que envolvem desde a gestão de parques de impressão, gestão documental, controlo de custos e impressão, gestão da segurança de input’s e output’s de documentos através da rede, com elevados níveis de SLA’s assentes em KPI’s extremamente exigentes e rigorosos”.

A propósito das parcerias agora estabelecidas, Ricardo Pinto afirmou ainda que “estas parcerias são os primeiros resultados visíveis em consequência da estratégia delineada pela Canon Portugal, no início do ano de 2012, que visava apostar num forte crescimento do Canal Indireto. Aliando a força do brand da Canon e todo o seu portfólio de soluções empresariais ao elevado Know- how destes novos parceiros, assente em mais de 20 anos de experiencia no setor das Tecnologias de Informação, estão criadas as condições de base que vão permitir um crescimento sustentado da presença da Canon nas áreas geográficas que estes novos parceiros vão trabalhar. Pretendemos continuar a alargar a nossa rede de parceiros, trabalhando paralelamente critérios de cobertura geográfica e parcerias mais especializadas, seja por setores de atividade seja através da área de integradores”.

Em termos de área de atuação, a Beltrão Coelho Minho, criada em 1988, vai incidir a sua atividade na região do Minho, nomeadamente nos distritos de Braga e Viana do Castelo. A Beltrão Coelho Ribatejo, criada em 1991, vai incidir a sua atividade na região do Ribatejo, preferencialmente nos distritos de Santarém e Castelo Branco. A Beltrão Coelho Algarve, criada 1988, vai incidir a sua atividade na área do Algarve, nomeadamente no distrito de Faro. A Luis Marreiros, Lda., criada em 1983, vai incidir a sua atividade na região do Alentejo, nomeadamente nos distritos de Évora, Portalegre e Beja.

Por sua vez, Nuno Guimarães, da Beltrão Coelho Minho, disse que “aposta nesta parceria, com a certeza de fortalecer e ampliar na sua área atual de ação, o vínculo existente ao mercado, e aos agentes que dele fazem parte. A Canon, pelo seu posicionamento de vanguarda no mundo das tecnologias, oferece-nos as condições precisas para essa afirmação.”

“Atentos às necessidades do mercado em que estamos inseridos e às caraterísticas dos produtos que comercializamos, é para nós de elevada importância a adequação destes produtos às solicitações dos nossos clientes. Por isso, entendemos de extrema importância a parceria efetuada com a Canon, pela constante procura evolutiva desta marca em termos tecnológicos, mas também pela sua preocupação com o meio ambiente, sendo, por exemplo, o consumo energético dos seus equipamentos, muito reduzido comparativamente com os seus concorrentes. Assim, a redução de custos é igualmente uma mais valia”, afirmou também Rui Marcelino, o representante do parceiro Canon Beltrão Coelho Ribatejo.

A Beltrão Coelho Algarve, pela voz de Ricardo Nascimento, acrescentou que “esta parceria irá dinamizar a cobertura da nossa área de influência, com uma melhor fidelização ao mercado, pelo posicionamento e liderança da Canon no mundo das tecnologias, aliado ao nosso maior enfoque, a satisfação do cliente, são os ingredientes ideais para um futuro promissor”.

Luis Marreiros, da Luis Marreiros Lda, disse também que “sabemos que a Canon é um parceiro de referência no mercado, o que nos vai permitir reforçar o nosso já forte posicionamento no Alentejo abrindo novas e melhores oportunidades de negócio”.

Portucel Soporcel distinguida com Troféu de Exportação

Ler mais...O grupo Portucel Soporcel foi distinguido, nos Troféus Luso-Franceses, com o prémio “Troféu de Exportação Português”, na categoria de “Grandes Empresas”, que distingue uma empresa portuguesa pela qualidade dos seus resultados na exportação para França.
Esta distinção vem reconhecer o desempenho do grupo Portucel Soporcel e o seu papel estruturante para a economia nacional, bem como a posição de relevo que detém no mercado internacional de papel e de pasta de celulose. Encontra-se entre as três maiores empresas exportadoras do País, sendo possivelmente a que gera maior Valor Acrescentado Nacional, na medida em que os seus produtos são obtidos, maioritariamente, a partir de matérias-primas e recursos nacionais.
Em 2011, as exportações totalizaram mais de 1,2 biliões de euros, representando cerca de 3% das exportações portuguesas de bens, números que reflectem a importância do Grupo que exporta para 120 países nos cinco continentes. As suas exportações aumentaram em 7% face ao ano anterior e 95% das suas vendas de pasta de celulose e papel foram realizadas no exterior. No primeiro semestre de 2012, e apesar do difícil contexto económico, o volume de negócios do Grupo voltou a crescer, com as exportações a atingir os 618 milhões de euros, contribuindo fortemente para o equilíbrio da balança comercial portuguesa.
Numa iniciativa organizada pela Câmara de Comércio e Indústria Luso-Francesa (CCILF), os prémios foram entregues numa cerimónia que decorreu em Lisboa e contou com a presença de Miguel Guedes em representação do Ministro de Estado e Ministro dos Negócios Estrangeiros, Vital Morgado da AICEP, Helena Duarte do IPAMEI e Pascal Teixeira da Silva, Embaixador de França em Portugal. Os Troféus Luso-Franceses foram criados com o objectivo de incentivar as trocas comerciais entre Portugal e França, distinguindo o esforço e o sucesso obtidos pelas empresas no desenvolvimento de estratégias e investimentos em ambos os mercados.

Fábricas Europac obtêm certificado FSC

Ler mais...As quatro fábricas de papel reciclado do Grupo Europac (Papeles y Cartones de Europa, SA) em Viana do Castelo, Rouen (França) e em Dueñas e Alcolea de Cinca (Espanha) estão todas certificadas pelo FSC (Forest Stewardship Council), uma entidade independente que tem por objectivo promover uma gestão ambiental sustentável e responsável de um ponto de vista empresarial, industrial e social.

Depois de ter obtido esta certificação nas suas fábricas de Portugal e França, o Grupo Europac conseguiu agora certificar as suas duas fábricas espanholas.

Esta certificação garante a origem sustentável das matérias-primas, proíbe a utilização de determinados produtos químicos e atesta o respeito dos direitos dos povos indígenas e dos trabalhadores. Conta ainda com o apoio das principais ONGAS e ONG de todo o mundo e representa o reconhecimento público e independente da gestão sustentável dos centros de produção.

Para além de melhorar a imagem do papel como produto renovável, reciclável e biodegradável, é importante destacar que a certificação é sinónimo de qualidade, tanto na gestão como nos próprios processos e produtos.

As certificações FSC são um factor de decisão cada vez mais importante e de procura crescente nos mercados, especialmente no caso das multinacionais que já estão certificadas e requerem aos seus fornecedores o cumprimento de determinados requisitos ambientais. O que hoje é uma procura de mercado, em pouco tempo será uma exigência para qualquer empresa do sector que queira vender os seus produtos no mercado europeu.

O Grupo Europac está presente em Portugal na produção de papel, cartão e embalagem, energia e reciclagem. No ano passado, as unidades em Portugal foram responsáveis por vendas agregadas de 424 milhões de euros, ou seja, 45% das vendas por origem de todo o Grupo. A fábrica de Viana do Castelo é a maior do Grupo em Portugal e exporta 90% da sua produção, fazendo do Grupo Europac um dos principais exportadores nacionais.

“Portugal, o teu olhar” de 8 a 21 de Outubro

Ler mais...A exposição “Portugal, o teu olhar”, que decorre o entre 8 e 21 de Outubro, na estação de metro Baixa - Chiado PT-Bluestation, reúne os melhores trabalhos fotográficos seleccionados entre as mais de 30 000 imagens recebidas durante o concurso organizado pelo canal Odisseia. Este projecto desenvolvido em parceria com o MEO, inclui ainda 15 fotografias da autoria de diversas personalidades portuguesas que contribuíram para enriquecer a iniciativa ao partilharem o seu olhar sobre o país. 
 
O Santuário Nacional de Cristo Rei, o Cais das Colunas, o Padrão dos Descobrimentos, o Douro vinhateiro, as romarias e festas populares ou a atividade piscatória, são alguns dos temas retratados nestas 15 fotografias, entre as quais se encontra o olhar da cantora Carminho com a fotografia intitulada “Regresso”, a estilista Ana Salazar com o seu trabalho “Portugal Visionário” ou o chef Henrique Sá Pessoa que apresenta a sua perspectiva fotográfica da “Lota de Matosinhos, os Nossos Pescadores”. 
 
Manuel Marques, Adelaide de Sousa, Pedro Couceiro, Rita Fernandes, Fernando Hipólito e Elsa Matias, Alexandra Borges, Rita Sousa Tavares, Alexandra Leite, António Homem Cardoso, Júlia Bélard, Rita Ferro e Alexandre Silva compõem o restante leque de famosos que aceitaram o desafio proposto pelo canal.
 
“Estamos muito satisfeitos com a enorme adesão que o concurso conquistou e com a participação generosa das 15 figuras públicas que, através da sua fotografia, contribuíram para enriquecer esta iniciativa. As mais de 30 mil participações superaram largamente as nossas expectativas, o que para nós é revelador do sucesso deste projeto que pretendia dar a conhecer a visão dos portugueses sobre o seu próprio país, aproximando ao mesmo tempo, o canal Odisseia, único canal de documentários 100% português, da audiência nacional”, declarou Roberto Blatt, diretor do canal Odisseia.
 
Durante o concurso, que decorreu entre 14 de Junho e 5 de Agosto, o canal Odisseia desafiou os portugueses a revelarem a sua visão sobre o que distingue e identifica Portugal através das diferentes plataformas: facebook, instagram e e-mail, premiando diariamente a fotografia mais original com uma câmara lomográfica, de edição especial odisseia. 
 
A iniciativa culminou com a divulgação da fotografia vencedora, da autoria de Paulo Sousa, intitulada “Em Lembrança de uma Revolução”, a quem foram entregues os 3 mil euros de prémio final.